Medidas para reduzir os afrontamentos da menopausa

Os afrontamentos ou suores, uma especie de ondas de calor desagradáveis, que muitas mulheres sofrem durante a menopausa, podem ser aliviados com alguns remédios naturais. Reduzir os afrontamentos da menopausa por completo até faze-los desaparecer não será possível, no entanto, é perfeitamente possível reduzir a frequência e a intensidade dos desconfortos de forma natural, de modo a que a mulher se sinta melhor.

Como reduzir os afrontamentos da menopausa

Atitude positiva

A menopausa não é uma doença mas sim uma fase de mudanças hormonais na vida da mulher que pode, ou não dar alguns problemas. Uma atitude positiva e otimista, é muito benéfico, porque irá se refletir automaticamente no seu bem-estar. Com uma nova atitude, a mulher vai lidar melhor com a menopausa e os afrontamentos notar-se-ão menos. Por isso aproveite esta nova etapa da sua vida e usá-la para descobrir novos prazeres.

Evite o estresse

Sempre que possa evite situações estressantes a todo a custa, pois podem aumentar significativamente os afrontamentos. É certo, que nem sempre é possível, sendo que, por vezes é necessário recorrer a outras formas para minimizar o stress. Desta forma faz sentido praticar técnicas de relaxamento, tais como treinamento autógeno, meditação e, em particular, o yoga, por ser um método que pode equilibrar o sistema hormonal endócrino e, portanto, aliviar os diferentes sintomas da menopausa.

Prepare-se contra os suores noturnos

Os suores (as ondas de calor) que afetam muitas mulheres, especialmente à noite, fazem com que possam acordar com o pijama e lençóis encharcados. Previne-se e siga estas dicas:

  • Ventile o seu quarto antes de ir para a cama.
  • A temperatura ambiente do quarto deve situar-se entre os 17 ° C e 18 ° C.
  • Tenha lençóis à mão para mudar rapidamente quando estiverem suados.
  • Use para dormir camisetas de algodão e coloque 3 camisetas ao lado da cama para trocar de roupa se for necessário e assim não terá que se levantar.

Duches alternados frios/quentes

Comece o seu dia com um duche de contraste (água quente e fria alternadamente). Além disso, um banho de pés à noite é uma grande ajuda. Para tal, mergulhe os pés primeiro numa banheira de água quente e depois numa banheira de água fria. Ao longo do dia também pode fazer duches quentes e frios alternadamente na parte superior dos braços. Em geral, os duches alternados devem acabar com água fria.

Alimentos que causam calor

Evite, principalmente depois das quatro da tarde, alimentos ou bebidas que possam causar calor: a cafeína, o café por exemplo, alguns refrigerantes e chocolate, o álcool, vinho tinto, queijos curados, especiarias picantes.

O melhor chá para a menopausa

O uso de plantas medicinais é um dos métodos mais antigos na procura do bem-estar e saúde. Para reduzir os afrontamentos da menopausa destacam-se algumas plantas medicinais pelas suas propriedades calmantes e a sua riqueza em fitoestrogénios: o trevo vermelho, o lúpulo, a onagra, a sálvia; todas estas plantas podem compensar a falta de estrógenios e aliviar os sintomas da menopausa. Veja aqui sugestões de remédios naturais para a menopausa.

Diário

Para poder conseguir identificar quais os fatores que possam provocar as ondas de calor, é recomendável criar um diário, onde deve anotar tudo o que come e bebe e, a que tipo de stresse está exposta cada dia. Assim poderá identificar, quais as causas que eventualmente puderam desencadear as ondas de calor, de modo a evitá-las no futuro.

O exercício aeróbico

Sabemos que o exercício tem muitos benefícios para a saúde, reduz o risco de diabetes, doenças do coração e alguns tipos de cancro, bem como ajuda a manter um peso saudável. Além disso, também ajuda a aliviar os sintomas da menopausa. Um estudo filândes, depois de analisar um grupo de mulheres desse mesmo país chegou à conclusão de que aquelas que realizavam algum exercício aeróbico durante seis meses, sentiam menos afrontamentos, suores noturnos, mudança de humor, menos irritabilidade do que as participantes que não fizeram nenhuma atividade. Entre as atividades consideradas aeróbicas encontram-se as caminhadas a passo rápido, a natação, a bicicleta e as sessões aeróbicas no ginásio. Tente fazer 30 minutos de atividade aeróbica pelo menos cinco dias por semana.

Aprenda a relaxar

Quando estamos submetidos a situações de stresse, quer seja físico ou emocional, o corpo reage liberando adrenalina na corrente sanguínea . Esse afluxo de adrenalina pode aumentar o fluxo de sangue, o que faz subir a temperatura do corpo. Os afrontamentos são uma resposta a esse aumento da temperatura do corpo e, muitas vezes, o stress pode ser o causante disso. Reduzir o stress com alguma técnica de relaxamento pode ser um remédio caseiro para combater as ondas de calor. Experimente fazer yoga , respiração profunda e meditação.

Aprenda a aceitar a insónia

Esta nova fase da vida da mulher, pode torná-la mais pensativa, alterando o seu estado físico e psicológico o que poderia roubar-lhe o sono. Em vez de passar horas e horas na cama acordada, é melhor ir para a cama somente quando estiver muito cansada. Um banho relaxante à noite, ou então a leitura relaxante de um bom livro, ou tomar um chá de valeriana ou erva-cidreira, são remédios caseiros que ajudam a conciliar o sono.

 

 

You can leave a response, or trackback from your own site.

One Response to “Medidas para reduzir os afrontamentos da menopausa”

  1. Neiva diz:

    Tenho 50 anos estou na menopausa há 4 anos, sofro com fogoachos e afrontamentos constantemente. Tomo Cimicifuga Racemosa para diminuir, mas com o tempo vai se tornando ineficaz. Ainda é pior a noite que não tem chá calmante que me faça dormir, Tive sindrome do pânico pois fiquei muitas noites sem domir por causa dos fogachos que aconteciam de 5 em 5 minutos e eu nãp conseguia respirar. Atualmente eu tomo remedio controlado para poder dormir e antidepressivo para não ter medo de não dormir.
    Facil tratar esse tema apenas dizendo, “se deve aprender aceitar a insonia”.
    Sinceramente não desejo a ninguem o que tenho sofrido apenas pelo simples fato de ter aceitado a insonia por mais de 3 anos.

Leave a Reply

Powered by WordPress | Designed by: SharePoint Site | Thanks to Virtual Server, Email Hosting and Rent Server